Você está aqui: Home » Comunidade » Alagamentos geram protesto na Santa Isabel

Alagamentos geram protesto na Santa Isabel

SAUL TEIXEIRA

msAlagamentos na Santa Isabel são problemas há tempos.Morador faz protesto em forma de banner e aciona o Ministério Público

Imagine chegar a seu local de trabalho e encontrar o portão literalmente tomado pela água! Essa é uma realidade muitas vezes enfrentada pelo proprietário de uma academia na Santa Isabel.

Mesmo situada na Avenida Liberdade, a principal via do quarto distrito, os alagamentos são constantes no local e o problema é fruto de alguns bueiros obstruídos e da travessia existente com canos de pouca vazão. O CR chamou atenção para o problema por três oportunidades, a última delas, em outubro passado.

O personal trainer Márcio Soares, proprietário da academia, coleciona a série de solicitações feitas junto ao Fala Cidadão pedindo a reparação do impasse. A última delas é datada em 18 de novembro de 2011 e solicita a “implantação ou ampliação da travessia existente”. No ponto do problema, existe uma parada de ônibus e uma praça de táxi, o que obriga os passageiros a desembarcarem “dentro d’água”, em dias de forte chuva.

Conforme Soares, diante da “inoperância da prefeitura”, ele resolveu ampliar as reivindicações, inclusive acionando o Ministério Público: “Após encaminharmos ao MP, representantes do governo municipal estiverem aqui, prometeram o conserto, mas até agora nada, estamos vivendo de promessas. A prefeitura não dialoga com a população, não apresenta uma solução. Está faltando boa vontade do governo”, protesta o profissional, dizendo que o problema afeta toda a quadra, inclusive as ruas Januária e Alberto Silva.

Protesto visual

A confecção de um protesto em formato de banner foi outra providência adotada pelo personal trainer. Com dois metros de altura, o cartaz traz fotos dos alagamentos, além de um texto crítico solicitando providências: “Está repercutindo muito bem. As pessoas param para ler, descem do ônibus e nos cumprimentam pela iniciativa. Já falei com o prefeito duas vezes pessoalmente, ele me prometeu tomar providências, mas nada foi resolvido. Em Viamão tudo é difícil, queremos uma solução já”, completou Márcio Soares.

Relembre

al• Em 25 de outubro de 2011, uma forte chuva provocou a inundação da academia citada. Além disso, em outras ocasiões, os alunos não conseguem acessar o local devido aos alagamentos (foto ao lado);

• Em julho de 2011, Soares foi surpreendido com uma carta resposta do Fala Cidadão, referente a um de seus quase dez pedidos à municipalidade. Em síntese, o texto manifesta que a solicitação já havia sido executada, o que ainda não ocorreu.

Fotos: Saul Teixeira e Márcio Soares

Comentários (1)

Deixe um comentário

Jornal Correio Rural de Viamão | Rua Marechal Deodoro, 274, Centro, Viamão/RS | Fones: (51) 99430-5151, 98529-8759