Você está aqui: Home » Comunidade » Coleta seletiva no município

Coleta seletiva no município

colNa segunda-feira, dia 23, foi lançado o programa Pontos de Entrega Voluntária (PEV), o novo modelo da coleta seletiva no município. Os moradores devem depositar o lixo seco (plástico, vidro, papelão, metal, etc) em containers colocados nos PEVs que serão implantados nas escolas municipais, estaduais, órgãos públicos e na praça da Vila Santa Isabel e na praça da Matriz, centro.

O material será encaminhado para um centro de reciclagem, na Estalagem, pela empresa recolhedora J.C.Lopes. Cada PEV terá um container e a coleta será feita por dois caminhões que irão percorrer todo o município recolhendo o material, obedecendo o seguinte cronograma:

segundas-feiras, Viamópolis, Santa Isabel e Jarí; terças-feiras, São Tomé, Florescente, Augustas e Cecília; quartas-feiras, Santo Onofre, São Lucas e Querência; quintas-feiras, Centro, Krahe, Viamar, Fiúza, Elza, Estalagem e Tarumã; sextas-feiras, nas regiões Passo d’Areia, Itapuã e Capororoca; sábados, nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS).

Foto: http://assimeugosto.com

Comentários (4)

  • CEZAR COELHO

    Que Bom! A coleta seletiva antes passava nas ruas… agora vamos carregar os sacos e sacos de resíduos para as escolas dos bairros… as escolas são locais ideais para receberem os resíduos, todo material destinado é higienizado; ratos, baratas, moscas,etc, não ousaram “atrapalhar” esta maravilhosa idéia. Que bom que a FEPAM não existe mais! Que bom que “corrida” de gravataí, a JC Lopez achou mais uma boquinha em Viamão…Que bom ser viamonense!!!

    Responder
    • Ivan Eloy Braz

      Acho que o Cezar está equivocado, confundindo lixo seco com orgânico, o caminhão que sempre passou não separa lixo, a ideia de reciclagem é ótima, pois além de cuidar o meio ambiente, agrega renda para os catadores, só acho que a prefeitura tem que divulgar e tentar conscientizar a população quanto a forma de separar e higienizar estes materiais, mas o caminho é este.

      Responder
      • cezar coelho

        Ivan … não confundi não amigo… Apesar do teu comentário ser no dia primeiro de Abril, acredito que não seja “pegadinha” vc não saber que já tivemos SIM um sistema de coleta seletiva porta-a-porta que recolhia o material reciclado… Foi cancelado com o pretexto de ser “o melhor caminho” , na verdade esse “modelo maravilhoso” não favorece ao catador (que deveria por lei e direito ganhar e ELE recolher o material) e muito menos é funcional se a população realmente leva-se seus resíduos para dispor nas escolas municipais (uma PEV é uma coisa, um ponto de coleta de resíduos numa escola é outra totalmente diferente, a 1* é uma ferramenta de educação ambiental valida para escola, a outra é uma piada que só existe em Viamão ao propor que uma vila inteira carregue para escola (quando tem escola perto) seus resíduos (não existe forma de 100% das pessoas higienizar o que é levado e rato e barata não precisa de muito) … portanto se vc não trabalha na JC Lopez ou é dono da empresa que vende contêineres… sinto te dizer que faz parte da população que deve ser “conscientizada” …(pela realidade, pelos fatos, não pela perspectiva que a “máfia do lixo” vende para população maquiando a realidade).
        CLARO que a “ideia” de reciclagem é ótima (alias não é ideia é lei) , mas equivocado MESMO é não saber que a única unidade de triagem de Viamão hoje em funcionamento NÃO BENEFICIA CATADOR ALGUM … tem lá desde 2000 a Sra Bianca que é “coordenadora vitalícia” de um grupo originalmente formado por costureiras, e que paga para pessoas trabalharem triando materiais (concorrendo com os catadores que continuam puxando carrinho e trabalhando com carroças nas ruas sem NUNCA terem sido contemplados por qualquer sistema de coleta seletiva municipal ou estarem dentro deste espaço). Vamos ver agora com o novo prefeito a tal MUDANÇA de VERDADE, se isso tudo é realmente moralizado, se os catadores vão ser beneficiados e se a reciclagem deixa de ser apenas uma “idéia” e se cumpra em todos parâmetros como diz a lei..

        Responder
  • ELENIR

    Parabéns Sr. Cezar Coelho ! Procurando destino aos produtos recicláveis, em Viamão (pois eu os levava ao Mens da Caridade POA – que nos os que mais…) li a matéria e teus comentários, muito esclarecedores. como não á escola por perto da minha residência, nem tenho filhos em Colégio, continuo sem saber o que faze. Espero que a nova administração municipal crie um mecanismo eficiente e amplo, que realmente tenha objetivo de proteção ambiental e social.
    Sr. Prefeito e Secretários, estou no aguardo.!!!

    Responder

Deixe um comentário

Jornal Correio Rural de Viamão | Rua Marechal Deodoro, 137, sala 206 - Centro, Viamão/RS | Fones: (51) 3485-1313.