Você está aqui: Home » Capa » Os bons ventos de Viamão agora são energia

Os bons ventos de Viamão agora são energia

Na sexta-feira, 11 de agosto, pela manhã, o prefeito, André Pacheco, o vice-prefeito, Valdir Elias, e os secretários de Agricultura e Abastecimento (Carlos Remi Pacheco), de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Turismo (Maurício Carravetta), de Meio Ambiente (Gilberto Fraga) e de Planejamento, Urbanismo e Habitação (Ubirajara Camargo), participaram da cerimônia de inauguração do Complexo Eólico Pontal.

Foram investidos R$ 330 milhões para a viabilização do parque, cujo potencial poderá atingir os R$ 600 milhões, trazendo benefícios sociais na geração de emprego, renda e distribuição de energia limpa. O complexo eólico conta, atualmente, com 25 aerogeradores, totalizando 59,8 MW de capacidade. De acordo com o presidente executivo do Grupo Oleoplan, holding da operação da Enerplan, Irineu Boff, os parques do complexo eólico de Viamão irão possibilitar que mais de cem mil toneladas de CO2 – gás causador do efeito estufa – deixem de ser injetados na atmosfera.

O governador do Estado, José Ivo Sartori, lembra do tempo em que morou em Viamão e diz estar muito feliz. “O vento simboliza uma mudança de realidade para a região e um novo momento para geração de energia sustentável.” O prefeito, André Pacheco, ressalta que os recursos investidos no município contribuem para o desenvolvimento do Estado. “Viamão está crescendo e se desenvolvendo e isso está repercutindo na região e no Estado. Estamos abertos a parcerias e melhorias para avançarmos ainda mais na cidade e no Estado”, finaliza.

Saiba mais:

– A capacidade total de energia da Central Pontal é de ao redor de 200.000 MWh ano;

– As linhas de transmissão possuem 44 km já construídos pela Enerplan, já prevendo assim, expansão futura do complexo;

– A energia gerada pelos três parques é suficiente para o consumo de 140 mil residências, abastecendo em torno de 320 mil pessoas. Considerando que Viamão tem uma população de 240 mil pessoas, o excedente de consumo é injetado e usado por habitantes de outros municípios vizinhos;

– A subestação denominada de Viamão 3 – da TESB, empresa controlada pela CEEE-GT – onde os parques se conectam – está integrada com o SIN – Sistema Interligado Nacional / Região Sul;

– O Complexo Eólico Pontal da Enerplan teve o apoio do BNDES, BADESUL e  Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

 

Deixe um comentário

Jornal Correio Rural de Viamão | Rua Marechal Deodoro, 274, Centro, Viamão/RS | Fones: (51) 99430-5151, 98529-8759