Você está aqui: Home » Comunidade » Saúde » Conferência Municipal da Saúde debate aperfeiçoamento do SUS

Conferência Municipal da Saúde debate aperfeiçoamento do SUS

susSAUL TEIXEIRA
A Secretaria Municipal de Saúde está realizando a VI Conferência Municipal de Saúde de Viamão. O evento ocorreu durante todo o dia de ontem, 16 e prossegue nesta sexta-feira, no auditório do Centro Profissional Walter Graff, das 8 às 17 horas. Entre as presenças, destaque para as autoridades locais, além dos usuários do SUS, trabalhadores, gestores e prestadores de serviços na área de saúde.
Com o tema “Todos usam o SUS! SUS na Seguridade Social, Política Pública, Patrimônio do Povo Brasileiro”, a conferência foi aberta ao público e tem como proposta discutir o acesso e o acolhimento qualificado do paciente, além de eleger 22 delegados para a Conferência Estadual de Saúde, em Tramandaí.
A representante do Conselho Municipal da Saúde, Ione Marcon, utiliza uma metáfora para referir-se a situação do SUS (Sistema Único de Saúde): “Já esteve melhor, já esteve pior, parece uma gangorra. Atualmente, estamos notando um retrocesso. Esperamos que o debate não fique apenas na retórica, no papel, mas que realmente sirva para uma reflexão para aperfeiçoamos o atendimento”, disse.
A Secretária Municipal de Saúde, Indianara Franco, destaca que apesar da necessidade de aperfeiçoamento, o SUS configura-se na maior política pública conquistada pelos brasileiros: “Por uma questão cultural, é comum falarmos apenas das mazelas deste atendimento, sem mostrarmos os pontos positivos. A conferência oportuniza o debate, a avaliação e a deliberação de propostas concretas para o SUS”, disse, referindo-se as ações de vigilância em saúde e as campanhas de imunização como exemplos de sucesso da atuação do SUS no país.
Evolução e Interação

Conforme o prefeito Alex Boscaini (PT), a conferência oportuniza a população tomar conhecimento sobre os avanços do atendimento na cidade: “A nossa Secretaria Municipal de Saúde evoluiu e muito. É logico que ainda não é o suficiente, mas estamos avançando. O sistema público precisa buscar experiências no sistema privado e vice-versa. Desta forma, construiremos um caminho para ajustarmos o atendimento em Viamão”, disse.
Morador da Vila Augusta, um dos presentes no encontro, Peri Alves Trindade, espera que o evento possa contribuir com a evolução do atendimento prestado à população: “A iniciativa é ótima, só espero que as melhorias possam ser colocadas na prática. Em linhas gerais, o atendimento tem melhorado, mas é preciso agilizar a marcação de consultas. Faz dois meses que agendei um atendimento cardiológico e até agora não fui chamado”, relatou.

Comentários (1)

  • Jussara conceição Ferreira

    ACHEI MUITO INTERESSANTE QUANDO A PRESIDENTE DO CONSELHO DE SAÚDE, A ENFERMEIRA IONE MARCON COMPAROU O SUS A UMA GANGORA, ALTOS E BAIXOS, PENSO QUE A SAÚDE, TÊM UMA SÉRIE DE FATORES QUE DEVEM SER LEVADOS EM CONTA : POR EXEMPLO O AUMENTO POPULACIONAL, ISSO INTERFERE NA QUALI- DADE DO ATENDIMENTO PENSO QUE SE PLANEJAMOS PARA ATENDER EM 2010, X PESSOAS E O NÚMERO DE PESSOAS AUMENTOU PARA Y ESTAREMOS , DESQUALIFICANDO O ATENDIMENTO, VIAMÃO CRESCEU E HOJE, TEMOS NA PRESIDÊNCIA DO CONSELHO UMA LUTADORA PELA SAÚDE PÚBLICA DA CIDADE ! PARABÉNS E SUCESSO JUSSARA RAMOS

    Responder

Deixe um comentário

Jornal Correio Rural de Viamão | Rua Marechal Deodoro, 274, Centro, Viamão/RS | Fones: (51) 99430-5151, 98529-8759