Você está aqui: Home » Capa » “O Cuidado que Queremos” é lançado em Viamão

“O Cuidado que Queremos” é lançado em Viamão

“O que eu vejo no Projeto O Cuidado que Queremos é de que estamos no caminho certo. É muito bom sentir que as pessoas estão abraçando a gente para que tenhamos um futuro”. Gelcéia, 46 anos.

Fazer o bem sem olhar a quem”. Essa foi uma frase utilizada pelo usuário do Centro de Atenção Psicossocial – Caps – Jorge Antonio Barbosa, para descrever o trabalho desenvolvido pelo Projeto “O Cuidado que Queremos”. Durante o seu discurso, Barbosa descreveu momentos de sua vida, e de como o projeto, realizado pela prefeitura de Viamão, através da Secretaria de Saúde, modificou a sua vida. Tudo isso aconteceu no lançamento no Livro “O Cuidado que Queremos”, na tarde de quarta-feira, dia 3, no auditório do Walter Graff. Livro onde todos poderão conferir a história de vida de Jorge Antonio Barbosa e outros 53 usuários, atendidos pelo serviço de saúde mental, no município.

A publicação é um apanhado das viagens feitas pelos usuários e trabalhadores da rede de Saúde Mental da Secretaria Municipal da Saúde a quatro cidades: Gravataí, Porto Alegre, Santa Cruz do Sul e São Lourenço do Sul. Cidades contempladas através de chamada nacional para Seleção de Projetos de Reabilitação Psicossocial: Fortalecimento do Protagonismo de Usuários e Familiares, Trabalho, Cultura e Inclusão Social da Rede de Atenção Psicossocial – 2015, do Ministério da Saúde.

Durante as viagens realizadas pelos usuários e pelos técnicos participantes do projeto, a outros municípios, a fim de conhecer as estruturas de Saúde Mental desses lugares, o grupo aproveitava para observar o que acontecia de diferente e, assim, trazer novas ideias para agregar a rede viamonense.

No lançamento do livro estavam presentes a coordenadora geral da saúde, Vanessa Bettiol de Oliveira, a coordenadora da equipe de matriciamento, assim como do projeto, Renata Schorn, o secretário de saúde, Luis Augusto Carvalho, representante do Conselho Municipal de Saúde, autoridades do governo, usuários do Caps, e público em geral.

O cuidado que cada um quer e merece ter, e a troca de experiência são características importantes do trabalho desenvolvido, declarou Oliveira, em seu discurso. Assim como a importância do engajamento, empoderamento, e a aposta de todos os envolvidos, para que o projeto se tornasse realidade, como acrescentou Renata Schorn.

Antes da entrega dos livros para todos os envolvidos, e iniciar transmissão de um documentário sobre projeto, assim como a sessão de autógrafos, o secretário de saúde, Luis Augusto Carvalho ressaltou que o momento é um marco importante e muito emocionante, pois nas páginas do livro é possível conferir a história dos usuários da saúde mental de Viamão.

Deixe um comentário

Jornal Correio Rural de Viamão | Rua Marechal Deodoro, 274, Centro, Viamão/RS | Fones: (51) 99430-5151, 98529-8759