Você está aqui: Home » Capa » Vereadora protesta: “Fui proibida de fiscalizar o Hospital Viamão”

Vereadora protesta: “Fui proibida de fiscalizar o Hospital Viamão”

Vereadora foi impedida de fiscalizar HospitalA vereadora Belamar Pinheiro (PP) afirma que foi impedida de exercer a sua função de fiscalizadora, na última segunda-feira, 21 de maio. A parlamentar esteve no Hospital de Viamão – Instituto de Cardiologia – para saber quantos profissionais estariam atendendo na emergência, tendo em vista a quantidade enorme de reclamações.

Segundo Belamar, funcionários do Hospital disseram que estavam cumprindo ordens da direção e não poderiam deixá-la entrar para fazer a fiscalização do hospital, já que é uma instituição privada. A vereadora Belamar argumentou que o mesmo recebe verba pública e por esta razão deveria deixá-la entrar, mas mesmo assim não obteve êxito.

Chegaram até Belamar denúncias de que o Hospital estaria trabalhando com um número de profissionais abaixo do necessário para garantir o bom funcionamento.

“É um grande absurdo para a população carente que não tem condições de pagar uma consulta particular ou se deslocar até hospitais de outras cidades. A saúde do Município carece de profissionais e medicamentos que atendam as necessidades da população”, protesta.

Embora tenha sido impedido de fiscalizar o Hospital, a vereadora conversou com dezenas de pacientes que se Vereadora foi impedida de fiscalizar Hospitalencontravam no local. Algumas pessoas relataram que estavam ali há mais de oito horas aguardando atendimento.

“Conversei com uma senhora de 85 anos, dona Paulina Rodrigues da Silva, moradora do Araçá, que estava aguardando por um atendimento desde as 9 horas da manhã, e já era mais de 17 horas. Não podemos ficar calado diante deste caos que se tornou a saúde no nosso município”, desabafou Belamar Pinheiro.

Saiba mais

  • A vereadora registrou uma ocorrência policial na Brigada Militar – Nº 1618779 – e promete acionar os órgãos responsáveis;
  • Em contato com a administração do hospital, a reportagem não conseguiu a palavra do diretor, sendo orientada a buscar novo contato na próxima segunda-feira.

Fonte: Divulgação

Foto/capa e edição: CR

Deixe um comentário

Jornal Correio Rural de Viamão | Rua Marechal Deodoro, 274, Centro, Viamão/RS | Fones: (51) 99430-5151, 98529-8759